Trilha para o paraíso escondido

Lagoinha do Leste - FlorianópolisLagoinha do Leste é um verdadeiro paraíso escondido ao sul da Ilha da Magia. Para chegar a esta linda praia, há dois meios: passeios de barco ou trilhas a pé!

Em relação as trilhas, existem duas alternativas: uma que sai da vizinha praia do Matadeiro, esta mais  longa e menos ingrime, e outra que parte do bairro Pântano do Sul, mais curta, porém mais “pesada”. Bom, em nossa aventura, optamos pela segunda opção (veja o vídeo).

Recomenda-se aos trilheiros que comecem pela manhã, aproveitando o sol mais ameno das primeiras horas do dia. É recomendável levar alimentos e uma garrafinha d’água, porque a Lagoinha do Leste é selvagem, sem estrutura.

É bastante frequentada por surfistas em busca de ondas perfeitas. Os campistas gostam de ficar por ali num esquema mais roots. Se for passar a noite, vá em grupo, e tome cuidado com seus pertences. (clique aqui e confira ofertas de barracas no site da Netshoes).

Como chegar: Rua Manoel Pedro Oliveira, à esquerda da SC-406, 400 metros antes da Praia do Pântano do Sul.

O que levar: Mochila pequena (clique aqui e confira ofertas de mochilas no site da Netshoes), Bota para caminhada (clique aqui e confira ofertas de tênis para trilhas no site da Netshoes), Boné, Protetor solar, Repelente, Cantil/água, Comida, Traje de banho, Toalha, Câmera fotográfica. Se você for acampar, clique aqui e confira ofertas de barracas no site da Netshoes.

Duração do passeio: Cerca de 1 hora.

Dificuldade: Pesado.

E você, já este na  Lagoinha do Leste? Comente e compartilhe com todos como foi sua experiência.

Comentar

Comentários

Júnior Silva

Posted by Júnior Silva

Júnior Silva, natural da Ilha da Magia, além de um apaixonado por Santa Catarina, é diretor de projetos na agência de marketing digital Casanobre Dgital e colaborador do Blog Amigo de Viagens, da página Viva a Bela e Santa Catarina. Graduado em Sistemas para Internet, também é guitarrista e fã incondicional de Raul Seixas e Aerosmith. Por incrível que pareça, não curte games (wtf?), mas é viciado em South Park, o desenho animado mais politicamente incorreto do universo.