Pontos positivos e negativos de Floripa (para turistas)!

Agende seu passeio em Florianópolis:

Recentemente Floripa foi eleita pelos leitores da revista Viagem e Turismo da editora Abril a melhor “cidade de praia do Brasil”. Sim, a cidade possui muitas qualidades, mas nem tudo são flores. Confira abaixo os principais pontos positivos e negativos da Ilha da Magia do ponto de vista dos turistas:

:: Pontos positivos

Praia Mole
Praia Mole

Praias: Floripa possui inúmeras belíssimas praias, e tem para todos os gostos: praias desertas, para surfar, paquerar, curtir com a família e até de nudismo! São de fato tantas que inclusive não há um consenso sobre a quantidade de praias que existem na cidade, uns dizem 42, e outros defendem cerca de 100 (Clique aqui e saiba mais a respeito).

Hospitalidade: Se o quesito é hospitalidade, Floripa também é campeã! Segundo eleição realizada por leitores da publicação Condé Nast Travaler, revista especializada em turismo e viagens, Floripa é a cidade mais amigável do MUNDO!

Segurança: Se levarmos em contas a média brasileira, Florianópolis é apontada com uma cidade segura, inclusive a mais segura dentre todas as capitais.

Gastronomia: A Capital de Santa Catarina é a primeira cidade brasileira a participar da Rede Mundial de Cidades Criativas da Unesco – categoria Gastronomia. Existem muitas opções de restaurantes na cidade e se você gosta de frutos do mar, principalmente ostras, a Ilha da Magia é campeã nacional!

 




 

:: Pontos negativos

trânsito em Floripa
Trânsito em Floripa (Avenida Beira Mar Norte)

Trânsito: Floripa é uma das capitais brasileiras com o maior número de veículos por habitantes. Agora imagine no verão, onde a cidade com cerca de 450 mil moradores chega a mais de um milhão com as chegadas de turistas de todo o Brasil e do mundo. Sim, você precisará ter paciência para se locomover na cidade durante esta época, principalmente nos horários de pico: manhã e final de tarde e parte da noite.

Aeroporto: Se você chegará à Floripa de avião, também precisará de paciência. Isto porque o aeroporto internacional Hercílio Luz há anos não comporta mais o número de vôos em sua malha diária, principalmente durante a temporada de verão. Filas enormes para fazer check in, passar no raio x… e por aí vai! Há alguns anos até chegou-se a iniciar as obras para a construção do novo terminal de passageiros, entretanto, pelo que consta, a Infraero “não deu conta” do recado e parece que o aeroporto será “entregue” a iniciativa privada.

Preço: Floripa está longe de ser o destino turístico mais caro do Brasil, entretanto, figura entre os “10 mais”. Recentemente a revista Exame fez uma pesquisa e apontou a capital catarinense como a 4ª mais cara para se viajar no feriado. Ou seja, como dizem por aqui: “the price of paradise”. Entretanto, caso você seja mochileiro, a cidade oferece boas opções de hostels e o sistema de ônibus funciona bem e não é caro, contando ainda com sistema de integração de linhas.

Comentar

Comentários

Júnior Silva

Posted by Júnior Silva

Júnior Silva, natural da Ilha da Magia, além de um apaixonado por Santa Catarina, é diretor de projetos na agência de marketing digital Casanobre Dgital e colaborador do Blog Amigo de Viagens, da página Viva a Bela e Santa Catarina. Graduado em Sistemas para Internet, também é guitarrista e fã incondicional de Raul Seixas e Aerosmith. Por incrível que pareça, não curte games (wtf?), mas é viciado em South Park, o desenho animado mais politicamente incorreto do universo.

oi